Tudo que é pé de conversa tem o seu dedo de prosa!

Este recanto tem a obra dos maiores Poetas do mundo!

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

MENINO EU FUI POETA


MENINO EU FUI POETA
(Poeta Merlânio Maia)

EU FUI CRIANÇA SEM TER
PLAYSTATION, IPAD E IPOD,
IPHONE, TV... PRA QUÊ?
O QUE EU TINHA ERA UM BODE
BRINQUEI SOLTO NO TERREIRO
FUI NADADOR, FUI VAQUEIRO,
DE BILA FUI CAMPEÃO,
JOGUEI PIÃO NOS TERREIROS
CORUJA NOS TABULEIROS
FUI MENINO DO SERTÃO

TIVE SARAMPO E PAPEIRA
DORDÓI, BEXIGA E TERSOL
BEBI ÁGUA NA TORNEIRA
PESQUEI PEIXE NO ANZOL
BRINQUEI DE VACA DE OSSO
QUASE ME AFOGO NUM POÇO
BOLA DE MEIA EU JOGUEI
ATÉ CAÇEI TANAJURA
COM A BUNDA DE GORDURA
JÁ FUI MOLEQUE E FUI REI!

ANDEI DE JEGUE, NÃO NEGO,
TIVE UMA INFANCIA DO CÉU
FUI GUIA DE UM VELHO CEGO
UM POETA DE CORDEL
QUE ME ENSINOU VERSEJAR
COM AS PALAVRAS BRINCAR
E A VIDA FOI TÃO COMPLETA
FOI TÃO RICA A MENINICE
QUE UM DIA MÃE ME DISSE:
ESSE MEU FILHO É POETA!

E SELOU O MEU DESTINO
MEU OLHAR MAIS AGUÇOU
MEU CORAÇÃO DE MENINO
NUNCA MAIS MODIFICOU
E QUANDO A LUTA É MAIS FORTE
OU ENFRENTO A DOR E A MORTE
AQUELE MENINO EU VEJO
LEMBRO SUA VIDA COMPLETA
MENINO EU FUI POETA
UM POETA SERTANEJO!

5 comentários:

carmem cepinho disse...

Muitoo linda.. fez me voltar a minha infancia nordestina...

filho disse...

eita poema lindo....me vi nos versos!

Anônimo disse...

Que lindo !amei

Unknown disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fabiane de Oliveira disse...

Lindo poema.....sua infância foi feliz e agora que já está crescido com certeza tem gratidão por tudo que teve e tudo que foi..parabéns..é possível ser feliz sem ter o vídeo game moderno!Meu filho me pediu o Playstation 3.. aí eu respondi...pra que comprar o 3 se você tem o 2 e está novo e em ótimo estado..valeu amigo..lindo poema mesmo!
Um abraço
Fabiane